Perfume de Amor no Ar

Que o amor é tudo, isso é tudo o que sabemos sobre o amor. (Emily Dickinson)

Textos

Resultado de imagem para TURBULENCIAS AEREAS

TURBULÊNCIAS NO ESPAÇO
Eri Paiva

O dia já terminou e a escuridão lhe sucedeu,
Invadiu o espaço infinito dentro do qual transito,
Em vôos de asas de ferro, na abóbada do céu!
É uma tiragem tamanha que eu me permito fazer      
Igualzinha a tantas outras, sozinha e sem você!

Lá por trás do horizonte, onde o sol ora se deita,
Atrás de si vai deixando uma noite aconchegante!
Entre silêncio e paz, reinando por alguns instantes
A harmonia que se instala no seio do firmamento
Retorna-me tua imagem e meu coração se deleita!

Namoro-te então feliz, nesse mágico momento,
Toda entregue às lembranças do nosso conviver.  
Revivo, na amplidão do espaço que me sustenta, 
A beleza e a paz que um grande amor alimenta...
Como sinto, no corpo e na alma, vontade de você! 

Sobre oceanos e mares também há turbulências,
Nos grandes vôos da vida, fazem-nos até tremer!
Estou pertinho do céu e, no meu fiel pensamento,
Uma turbulência aérea, te apaga da minha mente! 
E assim, mais uma vez, sem querer... perdi você!!!


Em 22. 02. 2018
Entre o Rio de Janeiro/Brasil e Atlanta/USA 
Eri Paiva
Enviado por Eri Paiva em 11/04/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras